<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6432744\x26blogName\x3dANTES+DE+TEMPO\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://antesdetempo.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://antesdetempo.blogspot.com/\x26vt\x3d685797521404101269', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

domingo, 18 de março de 2012

 
Abdicar da nacionalidade

Alguns portugueses residentes nos EAU têm recebido cartas do Ministério das Finanças exigindo um pagamento de IMI relativo a 2011 10 vezes superior ao valor habitual (correspondendo a uma taxa de 5%). A carta também avisa que para o ano de 2012 o valor será 15 vezes superior, o que corresponde a 7.5% do valor do imóvel. Ou seja, quem for emigrante nos EAU e tiver uma casa em Portugal no valor de 200 mil euros, terá que pagar 15 mil euros por ano de impostos, vender a casa ou entregá-la ao estado. Quem se recusar entregar a casa ao estado, arrisca pena de prisão. Arrisca pena de prisão pelo simples facto de ter optado por trabalhar num país com um “regime fiscal claramente mais favorável” e julgar que poderia manter uma casa no país de origem sem ser roubado de 7.5% do seu valor todos os anos.
Já se sabia que este país não é para os que ficam, mas agora fica claro que também não é para os que emigram. Próximo passo para evitar o caminho para a servidão é abdicar da nacionalidade.

Aqui.

sábado, 3 de março de 2012

 
GERHARD RICHTER PAINTING


This page is powered by Blogger. Isn't yours?