<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d6432744\x26blogName\x3dANTES+DE+TEMPO\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://antesdetempo.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://antesdetempo.blogspot.com/\x26vt\x3d685797521404101269', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

 
Jean-Marie Gustave Le Clézio



Nasceu em Nice, a 13 de Abril de 1940. Aos oito anos mudou-se com a família para a Nigéria, onde o seu pai exerceu medicina durante a II Guerra Mundial. Foi lá que começou a carreira literária, com dois livros: "Un long voyage" e "Oradir noir". Voltaria a Nice em 1950.

Tem um percurso extra-literatura curioso: estudou inglês na Universidade de Bristol, fez uma tese de doutoramento sobre o início da história do México e foi professor em várias universidades mundiais.

Foi com o seu primeiro romance, "Le procès-verbal", escrito em 1963, que começou a despertar as atenções. Nos primeiros romances, Le Clézio abordava "os problemas e o medo que reinavam nas principais cidades ocidentais", refere o Comité Nobel. Foi, porém, em 1980, com o romance "Désert", que se afirmou em definitivo, ao vencer um prémio da Academia Francesa.

Prémio Nobel da Literatura, hoje.



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?